Fabricação de postes e luminarias tradicionais ou com sistema led.

contato@aladiniluminacao.com.br

Planejamento de iluminação pública

foto de Planejamento de iluminação pública

Um dos primeiros projetos de iluminação pública, se é que podemos aplicar essas palavras no contexto do Século 10, foi implementado em Córdoba, na Espanha, cerca de mil anos atrás. Naquela época, lâmpadas de rua eram acionadas com combustíveis fósseis e, a cada noite, funcionários especiais circulavam pela cidade e acendiam essas lâmpadas.

Desde então, muitas coisas mudaram. Lâmpadas a gás foram substituídas por lâmpadas elétricas duráveis e com altas taxas de conservação de energia, e o processo de ligar e desligar as luzes se tornou automatizado.

Sem dúvidas, a iluminação pública é um benefício para todos nós hoje, oferecendo segurança e conforto durante as horas escuras. Contudo as redes de iluminação impõem alguns desafios consideráveis aos gestores públicos, e neste artigo, tentaremos analisar esses problemas e sugerir uma solução para eles em 4 passos básicos.

Confira!

 

Não existem soluções simples para problemas complexos

 

Embora municípios diferentes usem diferentes sistemas de iluminação pública e tenham uma abordagem diferente para o seu gerenciamento, há uma gama de problemas que é comum a todos eles. É na análise deste quadro que consiste o artigo que você está lendo. E, antes de continuar, é preciso alertar que não existe uma resposta comum de planejamento urbano para todos os municípios e áreas públicas.

Em primeiro lugar, é preciso considerar as taxas de consumo peculiares de cada realidade urbana. Depois, existem dificuldades relacionadas à manutenção do sistema: como o operador da rede de iluminação descobre que uma determinada lâmpada ou componente precisa ser consertado ou substituído? Por fim, é preciso selecionar o sistema de lâmpadas mais vantajoso para cada município.

Com todas as questões discutidas, é hora de partir para o planejamento estético, funcional e contextual da iluminação pública.

 

1. Mapeie o layout das vias

 

É preciso percorrer todas as áreas do município, zona urbana e rural, estradas, praças, monumentos e prédios públicos para selecionar os principais pontos focais. É assim que se define onde devem ser instalados os postes, por onde deve passar a fiação, onde fazer a ligação com as redes de distribuição e, principalmente, como definir os parâmetros fotométricos adequados para a necessidade local.

Uma vez que os principais pontos focais são definidos, a iluminação pode ser selecionada para outras áreas da paisagem, como caminhos que levam a um jardim, áreas de convés, varandas e calçadas.

 

2. Defina as características luminotécnicas

 

Com todos os pontos focais mapeados, é preciso consultar a NBR 5101:1992 para estabelecer os níveis de iluminância recomendados e de calcular os fatores de uniformidade mínimos. Além disso, é necessário que se faça uma distinção entre as vias para que a emissão luminosa seja maior em locais de trânsito rápido do que em uma praça de pedestres, por exemplo.

 

3. Especifique a distribuição da iluminação

 

Neste ponto, é preciso criar um planejamento da topologia de distribuição dos pontos de iluminação para cada situação — sem perder de vista os custos e as características da paisagem. Assim, pode ser feito um arranjo unilateral das luminárias (mais comum); arranjo bilateral alternado, bilateral oposto, entre outros.

 

4. Selecione as luminárias

 

Também é importante selecionar as luminárias que devem ser usadas para atender aos requisitos do planejamento. A lâmpada a vapor de sódio em alta pressão ainda é a mais empregada em sistemas de iluminação pública, mas lâmpadas de multivapores metálicos e LED tem ganhado cada vez mais espaço.

A tecnologia LED, por sinal, é a que mais tem ganhado espaço nos planejamentos de iluminação pública, uma vez que emite fachos de luz bem direcionados, é livre de metais pesados e tem uma vida útil extensa (cerca de 50 mil horas). A expectativa é que as lâmpadas de LED sejam a alternativa mais viável para os sistemas de iluminação do futuro.

Conheça as luminárias de LED da Aladin Iluminação e faça o seu projeto decolar!

https://www.aladiniluminacao.com.br/c/luminaria-publica-0

Se desejar conhecer mais sobre os nossos produtos, entre em contato por telefone ou e-mail!

Telefones: (11) 2219-2505 / (11) 2219-2506 / (11) 2219-2476

E-mail: contato@aladiniluminacao.com.br

 

Precisando de suporte para luminária pública em topo de poste, conheça os modelos da aladin iluminação

Quem está investindo em iluminação necessita de um produto de qualidade. E quando se trata das luminárias públicas, que são essenciais nos centros urbanos, é fundamental considerar que os postes precisam ser feitos de materiais resistentes e isso, é claro, também inclui os suportes localizados em seus topos. Mas, afinal, onde encontrar produtos confiáveis e que farão a diferença em sua obra?

Quais as vantagens dos postes com rebatedores?

O rebatedor, também conhecido como refletor, cumpre o papel de direcionar a luz, espalhando-a de maneira uniforme por todo o espaço desejado. Assim, locais geralmente de sombra recebem mais luz e locais muito iluminados recebem menos luz.

Quais as vantagens de postes com spots LEDs direcionáveis?

Os spots de LED têm sido utilizados como alternativa para as formas mais usuais. Eles se diferem por serem de um material que tem o perfil inerente de transformar energia em luz elétrica de forma hábil, ao contrário das lâmpadas dicroicas tradicionais, que utilizam de métodos menos eficazes. Descubra neste artigo, as principais vantagens de investir em postes com spots de LED direcionáveis.

Altura Ideal do Poste Para Iluminar Quadras Esportivas

uem não gosta de praticar esportes? Além de ser uma ótima forma de praticar exercício e manter a saúde em dia, ainda permite confraternizar com os amigos e se divertir bastante, aliviando a pressão e o estresse do dia a dia. Mas é preciso enxergar e ter muita segurança no momento de praticar o esporte. Por isso, confira a altura do poste ideal para iluminar as quadras esportivas.

Conheça os modelos de refletores ideais para campo society

Além de precisar se adequar as normas técnicas e realizar a aprovação nos órgãos administrativos e do meio ambiente, deve se analisar quais as matérias-primas que serão utilizadas, principalmente em relação ao gramado que será utilizado e a iluminação, esse último fator, muito importante para o bom desempenho no campo e para a qualidade do jogo. Sendo assim, vamos conhecer um pouco mais sobre a im

O que não pode faltar em um projeto de iluminação de loteamentos?

Os loteamentos consistem em uma forma de desenvolvimento sustentável às cidades e, ainda, são uma garantia de uma maior qualidade de vida e organização da sociedade em geral. Além disso, são uma excelente forma de realizar o desenvolvimento e povoamento ordenado de uma cidade. Por conta de sua importância, tanto o estatuto das cidades, como as leis municipais que regulamentam a utilização do sol

Orçamento pelo WhatsApp