Qualidade e preços Imbatíveis / Fabricação de toda linha de produtos / Itens a pronta entrega

Atendimento e Dúvidas
Aceitamos cartão BNDES

 

Arandela Interna

Páginas: 1 2 3

Páginas: 1 2 3

Luminárias do tipo arandela são aquelas que ficam presas à parede. Além de muito funcionais do ponto de vista luminotécnico, podem ser peças que deixam qualquer ambiente mais bonito.

Arandelas internas devem ser usadas em locais que precisam ser iluminados de forma leve e despretensiosa, como corredores, banheiros, varandas e dormitórios, portanto não servem em cozinhas, salas de jantar ou escritórios, ou seja, locais onde a luz precisa ressaltar aquilo que se vê ou se come.

Em banheiros e lavabos, devem ser usadas com moderação. A ideia é apenas iluminar a superfície onde fica a pia e deixar o ambiente agradável.

Para a maioria dos casos, a altura ideal de uma arandela é entre 2,00 e 2,20 m para casas com pé-direito normal (entre 2,50 e 2,70 m). Essa regra também vale para banheiros e lavabos, onde existem espelhos. Em dormitórios, arandelas são usadas como luz de cabeceira e devem ser fixadas a 1,00 ou 1,10 m de altura, sobre criados-mudos.

O segredo da boa iluminação está no modelo escolhido. Em lavabos e banheiros, por exemplo, peças com aberturas em cima e embaixo são as mais indicadas porque deixam a luz focada. Em dormitórios e salas de jantara luz pode ser mais difusa, pois o objetivo é iluminar o maior espaço possível.

Luz de arandelas, exceto em alguns espaços como o lavabo, é complementar. Isto é, deve fazer parte de um projeto de luminotécnica maior, integrado a outras peças como pendentes, abajures e spots. Um bom projeto de iluminação é aquele que oferece possibilidades para cada tipo de ocasião. Cada atividade exige um tipo de luz diferente. Não é possível usar uma peça só para estudar, jantar, assistir TV ou dar uma festinha.